skip to Main Content
+55 81 3421-1964 sindesv@sindesv.com.br
Campanha Salarial 2017 | Pauta De Reivindicação

Campanha Salarial 2017 | Pauta de Reivindicação

No dia 21 de Outubro de 2016, no Auditório do SINDESV-PE, os Vigilantes Patrimoniais compareceram a realização da Assembléia Geral da Campanha Salarial 2017 para debater sobre as reivindicações da categoria. A presença de todos foi fundamental na infinda luta pelos nossos direitos como trabalhadores.

A Plenária da Assembleia aprovou a seguinte Pauta de Reivindicações:

  1. Manutenção das Conquistas da Categoria (Dispostas na Atual Avença Coletiva 2016/2016);
  2. Plano de Saúde Integral com Atendimento Ambulatorial e Hospitalar;
  3. Gratificação de 30% sobre o Piso Salarial para os Vigilantes do Segmento bancário;
  4. Integralização a Remuneração Salarial do Vigilante no Segmento Bancário do Percentual de Gratificação, independente, do prazo laborado e na hipótese da demissão;
  5. Reajuste Salarial para todos os representados do Segmento Patrimonial (Operacionais e Administrativos) no Percentual de 15% (quinze inteiro por cento);
  6. Concessão de Vale Alimentação no valor de R$ 22,00 (Vinte e Dois Reais), incluindo-se o período de férias e para complementação dos 30 dias, mesmo quando no exercer de quaisquer escalas;
  7. Concessão de Vale Transporte e nas condições especificas e quantidades necessárias para o deslocamento/retorno do trabalhador Vigilante para os postos de serviço, e com acréscimo mínimo de 25% (vinte e cinco por cento) incidente sobre o valor original quando da transferência para outros postos de serviços, notadamente, para cidades das regiões geográfica do estado;
  8. Acréscimo percentual de 100% (cem por cento) para as horas extras quando realizadas no período de segunda a sexta, e no percentual de 120% (cento e vinte por cento) nos dias de sábados, domingos e feriados, independente da escala;
  9. Cumprimento para realização das Comissões Internas de Prevenção de Acidentes – CIPA, conforme Artigo 163 da CLT, Lei 6.514/77, consoante nº de trabalhadores nos termos da NR 5 do MTE nos efetivos quadros de trabalhadores da empresa e/ou contratos onde estiverem laborando;
  10. Concessão de Férias com rigor para a Legislação Pátria, necessariamente, pagamento com acréscimo de 1/3 para o efetivo gozo.

Juntos Somos Mais Fortes!

Você é o Sindicato e o Sindicato é Você!

14700903_1092150957520972_5321663113685082252_o

Back To Top